Cidadania Portuguesa

Quem não gostaria de ter uma dupla cidadania?

De extrema importância para pessoas que desejam morar em outro país sem data para voltar, estudar fora, ou mesmo para ter uma cidadania estrangeira, a dupla cidadania se torna uma alternativa.

No caso da cidadania portuguesa, algumas questões são levadas em consideração, que avaliam o grau de parentesco ou mesmo a qual situação específica o requerente se aplica, a fim de que possa atribuir à cidadania.

Dentre os principais casos estão a nacionalidade por parentesco (filhos e netos de portugueses), ou por casamento.

Após identificar se você realmente tem direito a obter a cidadania, o segundo passo é de reunir toda a documentação necessária para dar entrada ao processo de habilitação.

O requerimento para realização do processo pode tramitar Conservatória dos Registos Centrais de Portugal ou, em alguns casos, nos consulados portugueses, sendo esse último principalmente para nacionalidade por descendência.

Os documentos podem variar de acordo com cada caso específico, por isso é de extrema importância fazer uma pesquisa completa sobre em que tipo de nacionalidade o requerente se insere.

Confira abaixo os principais documentos solicitados:

- Requerimento preenchido e assinado;

- Carteira de Identidade;

- Certidão de Nascimento;

- Certidão de Nascimento do ascendente;

- Certidão de Casamento;

- Certidão de Antecedentes Criminais do país de origem;

- Certidão de Antecedentes Criminais de Portugal.

Entenda as vantagens da cidadania portuguesa A Nacionalidade Portuguesa, ou Cidadania Portuguesa, pode ser adquirida de duas diferentes maneiras, sendo por medida originária por atribuição e também a derivada por aquisição. Há também casos específicos que precisam ser estudados e analisados, de acordo com a Lei...

Leia mais

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.